Taxa de Rejeição no Site

Taxa de Rejeição no Site

Taxa de Rejeição no Site

A taxa de rejeição é a fonte de dúvidas de muitos profissionais que tem site, neste post vamos tratar de esclarecer todas as suas dúvidas iniciais com a taxa de rejeição que aponta o Google Analytics.

 

Antes de prosseguirmos preciso fazer uma pergunta, você conhece o Google Analytics? se não segue um link de post que fala sobre…

 

O QUE É A TAXA DE REJEIÇÃO?

 

O próprio Google Analytics a define como um percentual de sessões de uma única página, a rejeição é especificamente como uma sessão que aciona uma solicitação única ao servidor. Isso ocorre, por exemplo, quando um usuário abre uma única página do seu website e, em seguida, sai sem acionar outras solicitação ao servidor do Google Analytics.

 

Não entendeu? se não, calma! vou ajudar…

 

A Taxa de Rejeição é uma métrica, ou seja você a define, o Google Analytics por default estabelece para o cálculo da taxa de rejeição, apenas se o usuário através da página de entrada foi para outra página, mas a interação pode ser diferente.

 

Além dessa maneira, você pode através de eventos mapear o que o usuário está fazendo no seu site e dessa forma consegue informar ao Google Analytics que naquela página existem outros tipos de interação que você pode definir como métrica.

 

Compartilhamento em Redes Sociais, Downloads, Comentário, Play em videos, Cadastro de Email, Acesso a determinadas página, tempo…

 

Todas essas informações acima podem ser informadas ao Google Analytics como uma segunda “meta”, pois de fato eles mostram a interação do usuário. É por isso que torna-se uma métrica, e não uma lei imposta pelo Google.

 

Claro que que para cada tipo de site e seu objetivo existe um modelo a ser seguido.

 

Por exemplo: Em um portal de notícias um bom modelo de meta é por tempo que o usuário permaneceu no site. Para sites institucionais metas que ficam nos formulários de contato e fones de contato são mais eficazes…

 

A TAXA DE REJEIÇÃO DE ACORDO COM SEU SEGMENTO

 

40% a 60% – sites de conteúdo
30% a 50% – sites de geração de leads
70% a 98% – blogs
20% a 40% – sites de varejo
10% a 30% – sites de serviços
70% a 90% – landing pages institucionais

Isso é uma base de uma taxa de rejeição boa para determinados segmentos.

Espero que essa taxa que apresentamos acima seja motivo de orgulho e alegria, o próprio Google Analytics considera uma taxa de 98% boa para certos segmentos.

COMO FAZER UM BOM USO DA TAXA DE REJEIÇÃO

Para fazer um bom uso da taxa de conversão é necessário especificá-la, assim quando for analisá-la, um bom uso que nós do Studio Silver recomendamos é analisar a taxa de rejeição por página de destino e dispositivo, assim além de sabermos qual a página que possui a maior taxa de entrada, podemos analisar se a taxa é alta, ou seja, fora da nossa média e concluir se isso é um erro de usabilidade por exemplo.

 

CONCLUSÃO

 

A taxa de rejeição é uma métrica que deve ser analisada com seu próprio histórico, com isso em mente tenho certeza que analisará a taxa de rejeição com outros olhos, ela não é um alvo e sim um caminho a ser seguido.


Espero ter ajudado…


Escrito por: Alisson Julio Silveira
Desenvolvedor WordPress Junior – Studio Silver

A Arte de Transformar Cliques em Clientes

Receba conteúdo atualizado toda a semana no seu e-mail.

Você é um robô?

Serviço em destaque

WebSite Full

Um web site completo fantástico que vai converter visitantes em clientes.

Contrate este serviço

Deixe seu comentário sobre o post: Taxa de Rejeição no Site escrevemos ele para você...

Mais conteúdo valioso:

Líder da Studio Silver - Agência Web e Marketing Digital

Você quer perder clientes?

Claro que não, ninguém quer que isso aconteça!
Mas se o que deseja é conquistar MAIS CLIENTES pela internet.